Thursday, October 06, 2016

VENNUS : RockClássico/Doom/Stone / Matão/SP


SZ: Qual é a formação atual?
r : Fabrina Valverde (Vocal); Caio Caraski (Guitarra); Eric Uliana (Baixo); Flávio Oliveira (Bateria).
SZ: Quem já tocou na banda e porque saiu?
r : Victor Ronconi (Baixo), saiu por motivos pessoais.
SZ: Quais as influências de cada integrante?
r: Nas composições buscamos um estilo mais Doom Rock com mistura de Psicodelia e Stoner, individualmente é bem diverso Eu (Fabrina), ouço muito Jazz, Heavy Metal, Blues; o Caio já escuta mais Hardcore, metal extremo e rock clássico, o Eric prefere os sons mais psicodélicos setentistas além de sons experimentais, nosso batera, o Flávio, gosta de Rock Clássico à Mpb.
SZ: Qual a maior influência da banda apenas uma?
r: Ghost
SZ: Defina o que é uma banda?
r: Uma banda é uma história que precisa ser contada, com altos e baixos, feito uma mensagem que precisa ser passada ao público.
SZ: Como se sustenta a banda no mercado nacional?
R: De forma independente dificilmente as gravadoras estão investindo nas bandas de rock e quando isso acontece é para um som mais comercial, mudando muitas vezes o estilo da banda.
SZ: Comente a cena independente do Brasil?
r: O público de Rock é bem seleto, cada cidade que passamos vemos quase sempre os mesmos, no entanto estes apoiam muito as bandas, há dificuldade com o saudosismo por parte de alguns que não aceitam sons novos, estão totalmente enraizados nas décadas de 70/80, isso os impede de conhecer bandas que estão no underground e que são tão boas quanto. Além das panelinhas que se fecham nas cidades dando sempre aos mesmos a oportunidade de tocar, isso desestimula aqueles que estão começando e não diversifica o som local.
SZ: Como será o mercado musical daqui a 10 anos?
r : Bem imprevisível, no entanto esperamos que mais aberto a todos que quiserem mostrar seu som, e com mais eventos/festivais apoiando as bandas.
SZ: O que é preciso para ter sucesso?
r: (Risos), ainda estamos tentando descobrir.
SZ: Quais os projetos para 2017?
r: Gravar nosso primeiro CD e continuar fazendo shows.
SZ: O Rock ainda é uma filosofia de vida ou está manipulado pela mídia? Como você vê o Rock nacional?
r: Para alguns sim, é uma atitude e parte essencial da existência, para aqueles que não entendem esse espírito é apenas música ambiente ou um estilo visual.
SZ: Qual o futuro do Rock?
r:O futuro do rock depende da desmistificação das novas bandas por parte do público, apoio mútuo, e acesso maior das bandas brasileiras nos festivais que ocorrem aqui, onde a maioria do cast. é composto por bandas gringas.
SZ: Onde tocaram e qual foi à reação do público?
r: Já tocamos em várias cidades da região, e sempre foram bem receptivos, conseguimos divulgar bem nosso EP e atrair um público que sempre nos acompanha.
SZ: Porque Vennus ?
r: Vennus é uma homenagem a uma banda que nos influência muito o Shocking Blue: banda dos países baixos da década de 60.
SZ: Deixe alguma mensagem para quem está formando ou pensando em formar uma banda de rock?
r:Não deixem que alterem sua mensagem, criem uma linguagem própria para a banda e um laço real com o público, a música é mais do que uma arte, é uma experiência que modifica as duas partes. Já dizia Nietzsche: Sem a música, a vida seria um erro.”
SZ: Considerações finais.
r: Nós somos a Vennus e vamos tocar Rock and Roll pra vocês.




























































































Site : http://vennus-com-br.webnode.com/
E-Mail:contatovennus@gmail.com

No comments:

Featured Post

Cáscara Sagrada Activity Statistics

Banda Cáscara Sagrada ...